A cultura por trás do time fora de série!

Há alguns anos, tomei a importante decisão de respirar novos ares e buscar algo que fosse mais conectado ao meu estilo de vida, valores e o que verdadeiramente busco e valorizo profissionalmente. Isso me levou a abandonar uma posição estável em um dos maiores portais de conteúdo da América Latina e "arriscar" a minha carreira no mundo das startups. De lá para cá foram cerca de 2 anos e meio de hardwork, sendo estes dedicados principalmente ao desenvolvimento de um grande produto do nicho imobiliário e, mais recentemente, ao marketplace que tem como principal missão transformar a vida das pessoas através de uma experiência de compra fora de série de produtos, digamos, inspiradores!

Olhando para trás, e já com alguma bagagem neste mercado, consigo perceber que existem vários aspectos que contribuem para a construção de uma empresa com estilo cool. A maioria destas características podem até soar como marketeiras (ex: temos ótima localização, amplas instalações, puffs coloridos, videogames), mas na real fazem parte de uma bem arquitetada estratégia de crescimento que, para acontecer, simplesmente precisa atrair o maior número de talentos do mercado, para que estas pessoas consigam, através do seu trabalho, levar o negócio a um novo patamar.

Independentemente das intenções de cada companhia, cabe a cada profissional identificar qual o principal propósito que o conecta a esta e/ou aquela vaga. Como existem vários pontos a serem analizados, às vezes fica difícil decidir. Então aproveito este espaço para compartilhar um dos fatores que julgo como ,talvez, o mais importante (e que possivelmente você deveria se preocupar também), que é se questionar como será o seu dia-a-dia dentro da empresa, ou seja, será que você está pronto para respirar fundo e cair de cabeça em uma nova cultura?

Menos é mais

Já há algum tempo dentro desta minha nova casa, consigo perceber que o ar que se respira aqui é bastante leve. O Elo7 entende muito bem que o seu crescimento é estritamente ligado ao trabalho de pessoas, então muitos dos aspectos que tangem o dia-a-dia estão ligados a este propósito. Por todas as áreas, é possível perceber que os times são bastante enxutos (em relação à quantidade de pessoas), porém nem por isso a produtividade destes é baixa (e você ficaria espantando com tanta coisa que fazemos por aqui). A todo o tempo, os líderes (você leu certo, pois aqui não temos chefes) estão preocupados em dar o direcionamento e fazer todo o acompanhamento para as coisas caminharem bem, e além disso, cuidam com bastante zelo para que cada um dos profissionais de suas equipes sinta-se à vontade para executar o melhor trabalho possível. Esta sintonia fina faz com que muitas pessoas se sintam tão bem que é praticamente impossível não extravasar essa realidade através de reviews pomposos em sites para aqueles que buscam referência sobre como é trabalhar em uma das melhores empresas do país.

A cultura da Engenharia

Todos os recém-chegados ao time de Engenharia do Elo7 são expostos a um ambiente inovador e com alguns pilares muito bem estabelecidos. Existem vários pontos que chamam a atenção, então vou tecer um breve resumo sobre os principais itens:

- Times no Elo7

No Elo7 toda a distribuição das demandas de produto é previamente planejada entre os Product Managers e os Tech Leaders de cada time. Em nossa organização, as pessoas são divididas em times especializados que cuidam de todas as camadas da aplicação (back-end, front-end, mobile, data-science, infraestrutura, etc). Muitas vezes é feita uma aliança entre duas ou mais casas (times) a fim de garantir que uma nova feature seja disponibilizada aos nossos usuários. Ah, só por curiosidade, nossas casas (times) na Engenharia possuem nomes inspirados na grandiosa série Game Of Thrones, então é muito fácil andar por aí e esbarrar com um Lannister, um Dothkari, um Tyrell...

- Agile no Elo7

Aqui no Elo7 somos aficionados em técnicas ágeis! Estamos sempre discutindo sobre as melhores maneiras para evoluirmos a forma com que tocamos nosso trabalho no dia-a-dia. Salvo rarissímas exceções, a maioria esmagadora das equipes trabalha utilizando as práticas do Scrum, com sprints contendo issues para um timebox de 15 dias e com as tradicionais cerimônias como dailies, retrospectives e plannings. Adotamos também práticas como pair programming (na maioria do tempo), code review, tests e continuous delivery. Estes quatro pilares garantem que cada tarefa tocada pela equipe seja desenvolvida de forma mais rápida, com maior critério do que vai efetivamente para produção, com menos bugs e, principalmente, com uma maior garantia, já que todo o código que for publicado é minimamente analisado por 4 pessoas. O saldo disto é a sensação de maior produtividade, constante aprendizado e extrema colaboração, o que torna o dia-a-dia mais saudável já que a informação/conhecimento sobre o sistema se propague de forma transversal entre todos membros da equipe.

- Incentivo ao Aprendizado no Elo7

Um dos pontos que mais gosto e admiro dentro do Elo7 é o incentivo incondicional ao desenvolvimento dos seus profissionais. Existem inúmeras iniciativas dentro da empresa para fazer com que o conhecimento circule e faça parte de nosso DNA. Então, dentro de cada sprint, sempre reservamos tempo para participar ao menos de um dos grupos de estudo existentes sobre os mais variados temas. Semanalmente também, temos um horário reservado na agenda para participação de todos em nosso auditório onde algum voluntário da casa ou convidado externo faz uma palestra livre sobre qualquer tema ligado a tecnologia. Ainda neste tema, somos fortemente incentivados a submeter palestras e a participar de eventos que envolvam as comunidades ligadas às tecnologias que nos cercam. Ao término de cada sprint, temos também um dia inteirinho reservado (HackDay) para que os engenheiros possam validar suas idéias, trazer melhorias ao produto e/ou compartilhar com a comunidade um pouco do trabalho que estamos fazendo por aqui (este post, por exemplo, nasceu em um Hackday <3).

A cultura da casa (equipe) Nymeros Martell

Apesar de termos diretrizes bem delineadas para toda as equipes, cada time tem a possibilidade de levantar as bandeiras em que realmente acredita. Então, de forma muito colaborativa, o time Nymeros Martell (especializado no desenvolvimento front-end dos produtos do Elo7) teceu alguns itens a serem somados ao que eu chamo de "cultura global" da Engenharia. São pontos valiosos (que são compartilhados e implementados por outros times também!), então vou aproveitar para compartilhar algumas ideias aqui:

- Deploys frequentes são a chave para o sucesso!

Acreditamos que uma tarefa desenvolvida não deva demorar muito tempo até o seu deploy, devendo passar pelas etapas de test e fix da forma mais ágil possível. Dada a frequência de deploys buscada, é muito importante que todos no time se preocupem com o tempo de deploy, por isso às vezes agrupamos tarefas para agilizar este processo.

- Tá perdido? Levanta a mão!

As pessoas devem sempre se manifestar quando estiverem perdidas e/ou travadas.

- Dê um tempo para você!

Sempre existe um tempo para refrescar a cabeça, chamamos esta prática no time de "fumar".

- Qualidade é palavra de ordem!

As pessoas devem se preocupar com a qualidade de código sem perder o foco de entregar valor. Os testes devem ser feitos de maneira criteriosa e extensiva, preocupando-se com os navegadores que precisamos dar suporte (IE11+, Chrome, Firefox, Safari e Android Browser 4.4.2).

- Lembre-se do mantra: uma web para todos!

Todas as tarefas são sempre desenvolvidas pensando em Progressive Enhancement, JavaScript Não Obstrusivo, Performance, SEO e Acessibilidade.

- Atenção às Cerimônias!

Nossas dailies são iniciadas sempre no mesmo horário. Os objetivos de cada sprint são claros e visíveis para todos do time, onde obrigatóriamente cada tarefa possui descrição, objetivos e requisitos claros e que sempre tem um responsável. Em reuniões, temos um mediador para lembrar o objetivo, manter o foco e buscar a conclusão dos assuntos.

- Pessoas em primeiro lugar

É muito importante que os problemas encontrados sejam visíveis a todos e que as pessoas falem sobre problemas nas dailies. Que estejam interessadas pelas regras de negócio da empresa, que pareiem com pessoas diferentes, sejam organizadas e respeitem umas às outras.

Conclusão

Bom, se você chegou até aqui, tem agora uma boa noção de como é a cultura do Elo7. Uma empresa que valoriza o profissional como ser humano, e que dá toda as condições para que o exercício das atividades leve cada um ao seu potencial máximo. Esse cuidado reflete em resultados expressivos para a empresa e pessoas felizes por todos os lados.

Espero que este post sirva de inspiração e instigue você a conhecer um pouco mais sobre a cultura da empresa em que pretende trabalhar. E que, antes de tomar qualquer decisão, consiga avaliar e consequentemente validar se estes valores estão conectados ao seu propósito pessoal e profissional. Ah, e antes que eu esqueça, o Elo7 está sempre de portas abertas para pessoas ímpares como você, então se estiver interessado em passar aqui para entrar e tomar um xícara de café, não deixe de participar de nosso processo seletivo para alguma das vagas abertas. Você também pode conhecer um pouco mais sobre a nossa cultura aqui.